CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CINOFILIA

 Fédération Cynologique International
GRUPO 3
Padrão FCI 76
20/01/1998
Padrão Oficial da Raça
STAFFORDSHIRE
BULL TERRIER
CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CINOFILIA
Filiada à Fédération Cynologique Internationale
Classificação F.C.I.:
Grupo 3 - Terriers
Seção 3 - Terriers do Tipo Bull
Padrão FCI no - 76 - 20 de janeiro de 1998.
País de origem: Grã-Bretanha
Nome no país de origem: Staffordshire Bull Terrier
Utilização: Caça
Sem prova de trabalho
Sergio Meira Lopes de Castro
Presidente da CBKC
Domingos Josué Cruz Setta
Presidente do Conselho Cinotécnico
Tradução: Suzanne Blum
Impresso em: 01 de julho de 2003.
STAFFORDSHIRE BULL TERRIER

NOMENCLATURA CINÓFILA UTILIZADA NESTE PADRÃO

APARÊNCIA GERAL: de pelo liso, bem balanceado, de grande força para seu tamanho. Musculoso, ativo e ágil.
COMPORTAMENTO / TEMPERAMENTO: tradicionalmente de coragem indomável e tenacidade. Altamente inteligente e afetuoso, especialmente com crianças. Corajoso, intrépido e totalmente digno de confiança. 
CABEÇA: curta. 
REGIÃO CRANIANA 
Crânio: profundo e largo. 
Stop: distinto. 

REGIÃO FACIAL 
Trufa: preta. 
Focinho: curto. 
Maxilares / Dentes: maxilares fortes; dentes grandes com uma perfeita, regular e 
completa mordedura em tesoura. Lábios: cerrados e secos.
Bochechas: músculos das bochechas muito pronunciados.
Olhos: de preferência, escuros, mas é tolerado alguma relação com a cor da pelagem.
Redondos, de tamanho médio e inseridos de forma a olhar para a frente. As bordas das pálpebras são pretas.
Orelhas: em rosa ou semi-eretas, nem grandes, nem pesadas. Orelhas espessas, caídas ou eretas são altamente indesejáveis.
PESCOÇO: musculoso, bastante curto, de bom formato, alargando gradualmente para os ombros.
TRONCO: dorso curto.
Linha superior: plana.
Peito: frente larga, esterno profundo; costelas bem arqueadas; musculoso e bem definido.

CAUDA
tamanho médio, inserida baixa, afinando para a ponta e portada baixa. Não deve formar um gancho e pode assemelhar-se a uma alavanca de bomba d'água antiga.

MEMBROS
Anteriores: pernas retas e de boa ossatura; colocadas, de preferência, afastadas uma da outra, não mostrando nenhuma fraqueza nos metacarpos, nos quais a ponta das patas são viradas um pouco para fora.
Ombros: bem colocados para trás.
Cotovelos: não são soltos.
Posteriores: bem musculosos. 
Pernas paralelas, quando vistas por trás.
Joelhos: bem angulados.
Jarretes: bem descidos.
PATAS: bem acolchoadas, fortes e de tamanho médio. Unhas pretas em cães de cor sólida.

MOVIMENTAÇÃO: 
livre, poderosa e ágil com economia de esforço. As pernas movimentam-se paralelamente quando vistos de frente e por trás. Perceptível propulsão dos posteriores.

PELAGEM
Pêlo: curto, liso e assentado.
COR: vermelho, fulvo, branco, preto ou azul ou qualquer uma dessas cores com branco. Qualquer sombreado de tigrado ou qualquer sombreado de tigrado com branco. Preto e castanho (black and tan) ou cor de fígado são altamente indesejáveis.

TAMANHO / PESO
altura na cernelha desejada: 35,5 a 40,5 cm. Estes tamanhos estão relacionados com o peso.
Peso: Machos: 12,7 kg a 17 kg
Fêmeas: 11 kg a 15,4 kg.
FALTAS: qualquer desvio dos termos deste padrão, deve ser considerado como falta e penalizado na exata proporção de sua gravidade.

NOTAS:
- os machos devem apresentar os dois testículos, de aparência normal, bem descidos e acomodados na bolsa escrotal.
- todo cão que apresentar qualquer sinal de anomalia física ou de comportamento deve ser desqualificado.


Material retirado da ® CBKC - Departamento de Artes Gráficas
Copyright ® FCI

, 06/09/2019

Entre em contato